segunda-feira, julho 22, 2024

Radiação: Estudo mostra os 7 modelos de celular com maior nível

Segundo um recente relatório, as marcas que mais emitem radiação são a Xiaomi e a Samsung. Ter um celular se tornou tão essencial quanto roupas, comida ou sapatos. Dificilmente alguém fica sem um dispositivo, mesmo que seja o modelo mais simples. Contudo, essa dependência – ou até vício – virou um assunto quente na nossa sociedade.

Passamos tanto tempo com o celular nas mãos ou próximo ao corpo que surgem preocupações sobre a radiação que ele emite. Com tantas marcas e modelos disponíveis, é complicado saber quais são os mais seguros e quais devemos evitar.

Entendendo a Radiação dos Celulares

A radiação dos smartphones vem das ondas de radiofrequência (RF) usadas para transmitir e receber sinais. Para medir a quantidade de radiação que nosso corpo absorve ao usar um dispositivo, usamos a Taxa de Absorção Específica (SAR).

Top 7 Celulares Campeões de Radiação

De acordo com um relatório recente da Tocklytics, entre as marcas que mais emitem radiação estão a Xiaomi e a Samsung. Modelos como o Xiaomi Mi A1 e o Samsung A23 5G foram considerados os mais problemáticos, com altos níveis de SAR tanto para o ouvido quanto para o corpo. Confira a lista completa dos celulares que mais emitem radiação:

  • Xiaomi Mi A1
  • Xiaomi Mi Max 3
  • Samsung A23 5G
  • Samsung Galaxy Z Fold 4
  • Samsung Galaxy Z Fold 5
  • Google Pixel 3a e 4a
  • iPhone 7 Series da Apple

Cuidados ao Escolher Seu Próximo Celular

Antes de comprar um celular, é fundamental verificar o SAR, principalmente para quem se preocupa com a exposição à radiação. Segundo órgãos reguladores, os limites de SAR aceitos giram em torno de 1,8 a 2,0 watts por quilograma (W/Kg). Se um dispositivo tem um SAR abaixo desses valores, ele pode ser considerado seguro para uso.

5G: Um Novo Desafio para as Fabricantes

A implementação do 5G trouxe um novo desafio para as fabricantes de celulares, principalmente em relação à segurança dos dispositivos. É crucial que as empresas priorizem práticas que reduzam a emissão de radiação pelos smartphones, devido ao impacto negativo na saúde.

Para diminuir a exposição à radiação, recomenda-se:

  • Manter o telefone longe da cabeça durante chamadas
  • Utilizar fones de ouvido com fio por menos tempo
  • Não dormir com o celular próximo à cabeça

Adotando essas práticas simples, é possível aproveitar a tecnologia dos smartphones sem comprometer a saúde. Pequenas ações podem fazer uma grande diferença.

Receba Novidades

Aldo Barros
Aldo Barroshttp://guiadetecnologia.com.br
Sou Técnico em Informática, Técnico em Saúde Pública (Agente de Saúde), Web Programador, Designer Gráfico, Desenhista por paixão e Entusiasta de Tecnologia. Escrevo para blogs desde os 16 anos, atualmente mantenho projetos voltados para Web Tecnology!

Últimas notícias

Relacionados

Aviso de cookies do WordPress by Real Cookie Banner